O extrativismo sustentável contribui na conservação das espécies florestais nativas e seus ecossistemas

  • 0

O extrativismo sustentável contribui na conservação das espécies florestais nativas e seus ecossistemas

A prática do extrativismo, em diferentes ambientes, com intensidades distintas de intervenção humana, é uma atividade que tem garantido o sustento de diversas comunidades no Brasil e, ao mesmo tempo, contribuído significativamente para a conservação ambiental.

O extrativismo sustentável proporciona o aumento da soberania e segurança alimentar, energética, de moradia e de utensílios de uso diário. Associado a isso, essa prática tem permitido que um conjunto de espécies se mantenham valorizadas, o que tem ocasionado um resultado positivo na conservação das mesmas e de fragmentos florestais e campestres onde elas ocorrem. O CETAP atua há mais de 20 anos na promoção das atividades de extrativismo sustentável, impulsionando cadeias produtivas estruturadas com base num processo de interoperação e complementariedade entre diversos públicos.

Impulsionar e desenvolver ações que estimulem o extrativismo sustentável é essencial do ponto de vista da reprodução social de diversos grupos, especialmente dos povos e comunidades tradicionais e de agricultores familiares, bem como dos diversos ambientes florestais e campestres distribuídos nos seis biomas brasileiros. Os bens e serviços fornecidos pela biodiversidade movem as economias e promovem o bem-estar humano, além disso, ampliam a funcionalidade ecológica, restaurando e mantendo os ciclos ecológicos dos ecossistemas locais. Extrativismo sustentável é uma ideia que melhora o mundo!


Buscar

Arquivo

Galeria de fotos